Garagem do Clube



Autor Tópico: Circular em Lisboa para veiculos anteriores a 2000.  (Lida 126 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline tiago blanquet
  • 150CV
  • ******
  • Mensagens: 6026
  • Feedback: +7/-0
  • No ganhar é que tá o ganho...
Circular em Lisboa para veiculos anteriores a 2000.
« em: 28 de Março, 2015, 15:08:09 »
Para quem tem acompanhado as noticias, sabe que em determinadas zonas de Lisboa há uma proibição de circular veículos matriculados antes de 2000.

Numa tentativa de proporcionar uma alternativa a quem não tem como adquirir um veículo mais recente, surgiu este "novo" produto no mercado de nome Ultimate Cell.

Aprovado pela Camara municipal de lisboa, e averbado pelo IMT o condutor dispendendo 250eur pode ver o tal dispositivo instalado no seu veículo e usufruir de imediato de reduções nos gases nocivos emitidos bem como redução de até 30% nos consumos.

Tudo isto parece bom demais para ser verdade e na realidade, não ha milagres.

O tal dispositivo assenta no principio da electrolise usando electricidade fornecida pelo sistema electrico do veículo para dissociar o hidrogenio do oxigenio da agua, na célula instalada.
Esse hidrogenio é então aspirado pela admissão e misturado com o ar e combustivel, melhorando a combustão. Esta é a teoria.

Já a fisica diz o seguinte:

A 1a lei da termodinamica refere que nunca se poderá obter mais energia da união das duas moleculas, do que foi utilizada a separá-las.

O tal dispositivo tem que usar energia electrica que por sua vez, é extraída do alternador do carro. Mais amperagem mais resistencia oferece o alternador ao motor. Não há aqui nada de borla. Essa energia extra gasta a alimentar a célula terá que ser compensada então pelo hidrogenio produzido. O problema é que o hidrogenio gerado, em teoria nunca vai permitir um saldo positivo em termos energeticos, pelo que este dispositivo irá é piorar o rendimento final.

Eles referem no site que a célula é controlada electronicamente. Seria inteligente se por exemplo a mesma só trabalhasse quando aplicamos o travão ou desaceleramos. Aí estariamos a reaproveitar a enercia do carro para gerar o hidrogenio, um pouco a semelhança dos sistemas modernos de travagam regenerativa nos hibridos e electricos actuais.

Contudo não sei como é que eles fazem a instalação. Gostaria de saber mais detalhes da mesma. Gostaria de saber se há algum tipo de ajuste da centralina, que eu duvido, e como todo o sistema de injecção irá reagir ao novo gás, apesar das quantidadas serem minutas.

Tambem de referir que a célula trabalha com água. deverá ter que ser atestada de tempos a tempos. Calculo que não possa levar agua da torneira porque no final da evaporação sobrará sais minerais e outras impurezas na forma de residuo sólido. Talvez so possa levar agua destilada bi-desmineralizada. Ainda não encontrei mais informação sobre isto.

E por ultimo outra preocupação, é qual o impacto do hidrogénio num motor comum. Lembro-me de acompanhar um bloger nos EUA que usava a varios anos celulas de hidrogenio pra gerar H2 e alimentar o seu jipe. Na practica até parecia funcionar, mas o revés era que as velas não duravam mais do que 10.000Km, e ao fim de 50.000k um dos pistoes furou.

Mais info http://aardvark.co.nz/hho.shtml

Seria interessante instalar um dispositivo destes num dos carros aqui do forum. Os 250eur poderiam ser acumulados se 250 interessados doassem 1 eur cada.

O carro escolhido poderia ser o de alguem que fizesse kms consideraveis de modo a obter resultados mais concretos. Se ninguem quiser arriscar eu comprometo o meu Puma 1.4 para o efeito.

A ideia seria documentar a instalação ao pormenor, e depois efectuar testes e medições de consumos com o dispositivo instalado no decorrer de alguns meses.

Na minha opiniao e como ceptico que sou, penso que isto so veio surgir para encher os bolsos a alguem de dinheiro, aproveitando-se de uma lei desadequada.  Mas nada como testar e ver para crer.



Offline SandStorm

  • Administrador
  • 150CV
  • ******
  • Mensagens: 13520
  • Feedback: +6/-0
  • Powered by: Big Booty, shake that ass!
Re: Circular em Lisboa para veiculos anteriores a 2000.
« Responder #1 em: 28 de Março, 2015, 22:40:40 »
Essa cena deve ser banha da cobra como os imans que se metem nos tubos de gasolina...

Offline Pumesta

  • 90CV
  • ***
  • Mensagens: 730
  • Feedback: +2/-0
  • Mk4 1.25l Zetec SE M5 Ambiente
Re: Circular em Lisboa para veiculos anteriores a 2000.
« Responder #2 em: 29 de Março, 2015, 15:07:25 »
No meu motor é que não entra nada dessa inversões ele foi feito para andar a gasolina e a gasolina anda, nada de tretas com GPL e hidrogénio, isso é tudo muita bonito mas sabes bem que as primeiras instalações são sempre as de teste para ver como corre e nunca à motores iguais mesmo que os carros o sejam.
Eu acho é uma piada do caraças a estes governantes da treta, eu que tenho um fiesta da 96 já estou proibido de andar em certas zonas de lisboa durante o dia, pois à noite já posso andar em todo o lado, mas que tiver um Porsche recente que debita na boa o tripulo de CO2 em relação ao meu pode andar em todo o lado em lisboa...então mas esta lei foi feita para tirar os gases nocivos do centro de lisboa ou foi para o turista não ver carros velhos a circularem???
Deixo aqui a minha questão!
« Última modificação: 29 de Março, 2015, 15:09:00 por Pumesta »

Offline koiratu

  • 150CV
  • ******
  • Mensagens: 7019
  • Feedback: +5/-0
  • A ti não te custava nada e a mim sabia-me tão bem
Re: Circular em Lisboa para veiculos anteriores a 2000.
« Responder #3 em: 29 de Março, 2015, 16:42:18 »
Opa se forem para a frente com isso contem com o meu eurito

Offline Dfmgnclvs
  • 115CV
  • ****
  • Mensagens: 945
  • Feedback: +7/-0
Re: Circular em Lisboa para veiculos anteriores a 2000.
« Responder #4 em: 30 de Março, 2015, 20:13:59 »
Eu já ouvi uns zunzuns que andam a instalar sistemas destes nos pesados, ainda não me dei ao trabalho de procurar resultados bem como possíveis problemas. Em relação á proposta do Tiago, têm o meu contributo de 1€.